10 dicas para a primeira entrevista de emprego (e 5 erros para evitar)

0
Share

Em busca de dicas para a primeira entrevista de emprego? Então você chegou ao lugar certo.

Afinal, o momento é perfeito para investir em novas oportunidades profissionais, e você precisa estar preparado(a) para encarar o processo seletivo.

Felizmente, o mercado de trabalho em tecnologia é um dos mais promissores, pois chegam a faltar profissionais qualificados para preencher as vagas.

Mas, para conseguir o emprego dos sonhos, você terá que se adaptar às novas exigências do RH e mostrar seu potencial diante do recrutador.

Aqui você vai encontrar as principais dicas para se sair bem antes e durante a entrevista, além dos erros mais comuns a serem evitados.

De bônus, incluímos um tópico especial sobre as entrevistas online, para você ficar por dentro das tendências e se destacar entre os concorrentes.

Então, quer dominar sua primeira entrevista de emprego? Então anote nossas dicas e aumente sua autoconfiança.

5 dicas antes da primeira entrevista de emprego

Sim, é comum ficar nervoso antes da primeira entrevista de emprego.

Por isso, assim que a data é marcada, você deve começar imediatamente sua maratona de preparação.

Isso porque, geralmente, não temos mais do que alguns dias – ou nem isso – para alinhar o discurso.

Para aproveitar o tempo da melhor forma possível, siga nossas dicas:

1. Conheça a situação do mercado

Antes de pensar na situação da empresa e na sua primeira entrevista, você precisa ampliar sua visão e analisar o mercado.

O mercado de TI, por exemplo, deve crescer 3,2 % em 2019 e chegar à cifra dos US$ 3,8 trilhões, segundo pesquisa global da Gartner.

Outra previsão interessante é que mais de 50% do PIB da América Latina deverá vir da economia digital até 2022, segundo a IDC Brasil.

Dados como esses ajudam você a entender o cenário em que a empresa se encontra e suas possíveis demandas ao recrutar novos talentos.

Além disso, conhecer os números do setor pode ser útil na conversa com o recrutador.

2. Pesquise tudo sobre a empresa

Agora sim, você pode começar sua pesquisa sobre a empresa, que tem como ponto de partida o site oficial.

Na hora de buscar informações, lembre-se de ir além da sua área de contratação e conhecer todas as atividades da organização.

Atenção especial à missão, visão e valores e informações sobre a cultura organizacional, programas de inovação, responsabilidade empresarial e outros temas institucionais.

3. Explore as mídias sociais e plataformas

Ao estudar a empresa, você deve ir além do site oficial e explorar as mídias sociais e plataformas da organização.

Segundo o relatório Candidate Experience 2017 da Talent Board, alguns dos principais canais utilizados pelos candidatos para pesquisar sobre a empresa foram o website, Linkedin, Facebook e sites que reúnem avaliações de colaboradores.

Plataformas como o Love Mondays, em especial, exibem opiniões de funcionários, ex-funcionários e profissionais que já foram entrevistados pela empresa.

Esses canais podem trazer dicas valiosas para você conhecer a empresa com mais profundidade e impressionar na sua primeira entrevista de emprego.

4. Revise seu currículo e portfólio

Para chegar à entrevista 100% preparado, é fundamental revisar e atualizar seu currículo e portfólio.

Aliás, melhor ainda é personalizar ambos de acordo com a vaga, escolhendo os projetos mais adequados para os requisitos.

5. Prepare a mente e o corpo

No dia marcado para a entrevista, um estado mental positivo e um corpo disposto fazem a diferença.

Para isso, tome alguns cuidados básicos como dormir o suficiente, se alimentar bem, beber água e fazer tudo com calma, com bastante antecedência para evitar atrasos.

Assim, você garante sua melhor versão e encara a entrevista com tranquilidade.

5 dicas para sua primeira entrevista de emprego

Agora que você já sabe como se preparar, está na hora de conferir as dicas para a sua primeira entrevista de emprego que realmente dão resultado.

Na hora de conversar com o recrutador, respire fundo e aplique essas técnicas:

1. Valorize seu portfólio

Pense no portfólio como a prova mais contundente da sua experiência e habilidades profissionais.

Na hora da entrevista, vale mostrar os projetos mais impactantes e melhores resultados obtidos, com ênfase no contexto de cada realização.

Na área da tecnologia, há inúmeras ferramentas para construir um portfólio online personalizado e plataformas para cadastrar seus trabalhos.

2. Mostre envolvimento e atualização

Os recrutadores adoram candidatos que se atualizam constantemente em sua profissão e se envolvem com projetos diferentes.

Para mostrar seu diferencial, fale sobre treinamentos, cursos, workshops e hackathons de que tenha participado, além de projeto de código aberto e inovação aberta em geral.

3. Foque nos seus pontos fortes

Uma das técnicas mais eficientes para a primeira entrevista de emprego é conduzir a conversa focada em seus pontos fortes.

Para isso, procure direcionar os assuntos para áreas que você domina, enfatizando suas competências a cada oportunidade.

4. Demonstre entusiasmo

Entrevistas de emprego não precisam ser monótonas ou excessivamente formais, principalmente na área de tecnologia.

Por isso, mostrar que você tem paixão pelo que faz e anseia por novos desafios é sempre um ponto positivo para o entrevistador.

5. Esteja disposto a aprender

No mundo da tecnologia, é quase impossível dominar todas as linguagens, ferramentas e plataformas.

Por mais competente que você seja, é importante se mostrar disposto(a) a aprender, pois os bons profissionais de tecnologia estão sempre abertos a novos conhecimentos.

Pode ter certeza que o recrutador saberá reconhecer seu interesse e disposição.

5 erros na primeira entrevista de emprego

Depois dos acertos, chegou o momento dos erros que tanto assombram os candidatos na sua primeira entrevista de emprego.

Preste atenção para não cometer nenhum deles:

1. Ser formal demais ou casual demais

Muitos profissionais de tecnologia têm dificuldade em construir uma imagem adequada para a entrevista de emprego, desde a vestimenta até o comportamento.

Na dúvida, prefira trajes mais modernos e não exagere na formalidade, principalmente se um terno for totalmente o oposto do seu estilo.

Além disso, evite adotar uma postura rígida e séria em excesso, pois é preciso criar empatia com o entrevistador.

2. Ignorar as soft skills

È muito comum que os candidatos foquem apenas nas hard skills (competências técnicas)  e se esqueçam completamente das soft skills (competências comportamentais).

Porém, cada vez mais as empresas buscam profissionais de tecnologia com habilidades de comunicação, trabalho em equipe e liderança.

3. Demonstrar desinteresse

Durante a entrevista, os recrutadores estão sempre se perguntando por que valeria a pena contratar você, e o interesse é decisivo na escolha.

Por isso, não cometa o erro de parecer entediado(a), e deixe claro que está animado (a) para ocupar a vaga.

4. Parecer arrogante

Autoconfiança é essencial, mas alguns profissionais exageram na dose durante as entrevistas.

Vale lembrar que ninguém trabalha sozinho, por mais competente que seja, pois isso a arrogância é vista como obstáculo para o trabalho em equipe.

5. Transparecer despreparo

Com o amplo acesso à informação, não tem desculpa para chegar à entrevista despreparado(a).

Ainda assim, um dos erros mais comuns relatados pelos recrutadores é a falta de conhecimento do candidato sobre o cargo, requisitos e atuação da empresa.

Especialmente em sua primeira entrevista, vale a pena fazer o dever de casa redobrado e pecar pelo excesso na pesquisa sobre a empresa.

Dicas para a primeira entrevista online

Você pode estar pronto(a) para a entrevista de emprego presencial, mas o recrutamento e entrevistas online também são essenciais na era digital.

Para finalizar, confira as dicas para busca de vagas e entrevista online:

1. Tenha um perfil profissional nas redes sociais

Da mesma forma que você procura informações sobre as empresas e recrutadores nas redes sociais, seus perfis online também são vasculhados.

Por isso, pense bem no tipo de conteúdo que você publica e procure criar uma imagem profissional nas redes.

2. Crie alertas de vagas em sites e plataformas

Diversos sites e plataformas de vagas oferecem o recurso de criação de alertas, para que você não tenha que acessar os endereços todos os dias.

Assim, você recebe vagas interessantes diretamente no e-mail, em assinaturas diárias ou semanais.

3. Busque por vagas nas redes sociais e grupos

Para além dos sites de emprego tradicionais, você pode procurar vagas em redes sociais de negócios como o Linkedin e pelo Facebook Empregos, por exemplo.

Além disso, há diversos grupos online voltados ao compartilhamento de vagas e oportunidades.

4. Prepare-se para testes e entrevistas online

Com o avanço do RH, muitas empresas já substituem seus longos processos seletivos por testes online, vídeo currículos e entrevistas via Skype.

Por isso, esteja preparado(a) para um teste online cronometrado ou uma entrevista por vídeo a qualquer momento.

5. Encontre a plataforma ideal

Se você quer mais assertividade, pode apostar nas plataformas ao estilo marketplace de talentos, que conectam profissionais de alto nível às melhores empresas.

Esses sites aplicam testes para determinar suas habilidades e encontram a vaga perfeita para você, com base em critérios avançados e inteligência artificial.

Melhor que isso só a Revelo, que ainda por cima é voltada exclusivamente aos desenvolvedores, data scientists, designers UX/UI e profissionais de negócios.

Se você quer revolucionar sua forma de procurar emprego, crie seu perfil grátis e seja encontrado pelas empresas mais inovadoras do mercado.

Com tantos cuidados na seleção, suas chances de impressionar na entrevista de emprego são muito maiores – e de ter sucesso na carreira também.

Gostou das dicas para a entrevista de emprego? Faça o seu cadastro na Revelo e deixe que as empresas corram atrás de você.

Related Posts