Candidatos ativos e passivos no recrutamento de desenvolvedores

0
Share

Entenda as diferenças no recrutamento de desenvolvedores com candidatos ativos e passivos e saiba como se beneficiar ao atrair os dois tipos de talentos para a empresa.

Em geral, ao formar uma equipe de tecnologia, as empresas se concentram em recrutar candidatos ativos. Afinal, os candidatos ativos estão procurando emprego com empenho e estão disponíveis imediatamente, e recrutá-los parece ser a melhor opção. 

No entanto, o que as empresas muitas vezes ignoram, é a oportunidade de recrutar candidatos passivos em meio a um mercado altamente competitivo.

Os candidatos passivos são os profissionais que já estão empregados e não estão procurando trabalho ativamente. Porém, eles podem não estar disponíveis imediatamente, mas podem se juntar à sua equipe no futuro. 

Por isso, em um processo seletivo concorrido como na área de tecnologia, pode ser interessante ter um conjunto misto de candidatos: os ativos e passivos.

Continue lendo para saber mais sobre as diferenças entre o recrutamento de candidatos ativos e passivos e saiba como se beneficiar ao atrair variados talentos tech.

Diferença entre candidatos ativos e passivos

Candidatos ativos e passivos referem-se a dois grupos muito diferentes de candidatos, descubra a seguir algumas das principais distinções entre eles:

Candidatos ativos

Os candidatos ativos são os profissionais em que você costuma pensar quando procura formar uma equipe. Em geral, eles estão disponíveis para trabalhar e podem começar imediatamente em uma nova empresa e posição.

Por exemplo, ao compartilhar uma vaga de emprego, a maioria das inscrições que você receberá provavelmente será de candidatos ativos. São candidatos que podem estar desempregados ou empregados, mas insatisfeitos com seu trabalho

Uma vez que esses profissionais buscam energicamente novas oportunidades, os candidatos ativos tendem a ser muito empolgados e receptivos quando os recrutadores os contratam.

Candidatos passivos

Os candidatos passivos são aqueles que não estão procurando ativamente uma oportunidade de trabalho. Em geral, são profissionais empregados e focados em seus trabalhos. 

No entanto, isso não significa que os candidatos passivos não estejam interessados ​​em outras oportunidades. Em alguns casos, eles podem estar abertos a novos empregos, especialmente se estiverem insatisfeitos com suas funções atuais.

Ao contrário dos candidatos ativos, os candidatos passivos não se candidatam a novos empregos. Em vez disso, normalmente usam plataformas como o LinkedIn para fazer networking em seu segmento, atualizar seu currículo e adicionar novas conexões. 

Em contraste com os candidatos ativos, os passivos não são tão receptivos ou animados quando o recrutador faz contato.

Vale a pena focar no recrutamento de candidatos passivos?

Embora possa ser difícil chamar a atenção de candidatos passivos, entrar em contato com eles deve fazer parte da estratégia de recrutamento. Aqui estão os dois motivos:

Candidatos passivos representam 70% dos trabalhadores

De acordo com a pesquisa do LinkedIn, os candidatos passivos representam cerca de 70% da força de trabalho global. Por isso, desconsiderá-los durante o recrutamento, significa omitir uma quantidade significativa de talentos. 

Se você deseja alcançar todos os profissionais talentosos e fazer a melhor contratação possível, deve se concentrar em todos os candidatos, não apenas nos ativos.

Além disso, os candidatos passivos podem ser mais fáceis de contratar por que não estão procurando outras oportunidades. Os candidatos ativos estão sempre em movimento e podem ficar indisponíveis rapidamente. 

Por estarem à procura de um novo emprego, os candidatos ativos estão constantemente se candidatando a vagas abertas, fazendo entrevistas e avaliando todas as suas opções. Esse não é o caso dos candidatos passivos.

Candidatos passivos são pré-qualificados

Muitos candidatos passivos são pessoas com amplo conhecimento e experiência. Pois, já têm carreiras estabelecidas ou em ascensão e não procuram cargos de nível de entrada. 

Com eles, você não precisa passar por etapas excessivas de testes para garantir as habilidades desejadas, pois esses candidatos já foram pré-qualificados por suas empresas atuais.

Por outro lado, ao selecionar candidatos ativos, você talvez precise testar esse profissional para avaliar suas habilidades e a compatibilidade com a empresa. Esse processo de testes de candidatos pode ser demorado e caro.

Saiba onde buscar candidatos passivos

Como os candidatos passivos representam uma parte grande da força de trabalho global, encontrá-los não é tão difícil. Neste caso, você só precisa saber onde exatamente pesquisar.

Buscar candidatos passivos nas redes sociais

As redes sociais são um ótimo lugar para começar a procurar candidatos passivos. Neste caso, você pode se concentrar no LinkedIn e Twitter, pois são ótimas fontes de talentos tech.

No entanto, se você deseja acessar um conjunto mais amplo de talentos, especialmente criativo, confira o Instagram, o Facebook e o Behance.

LinkedIn

O LinkedIn atrai pessoas de todas as áreas, criando um potencial conjunto de talentos para as empresas. De forma simples, você pode se conectar com todos esses profissionais e entrar em contato com eles para vagas abertas. 

No LinkedIn, as pessoas estão mais abertas a conversar com recrutadores e empresas. Veja a seguir dois recursos que você pode usar para pesquisar candidatos:

Recursos de pesquisa

O LinkedIn possui uma função de pesquisa poderosa que permite inserir palavras-chave para localizar candidatos passivos, por exemplo, local, função ou setor. 

As palavras-chave podem ajudá-lo a restringir suas escolhas filtrando os candidatos conforme a educação e a experiência necessárias para sua vaga de emprego aberta. Isso permitirá que você se conecte apenas com os candidatos que se encaixam na vaga e empresa.

Pessoas também visualizadas

No LinkedIn, outra forma de encontrar candidatos passivos relacionados ao seu segmento é usar o recurso pessoas também visualizadas

Essa é uma ferramenta que aparece no lado direito do perfil da empresa ou candidato e fornece informações sobre as pessoas que visualizaram a página no LinkedIn. 

Às vezes, esse recurso mostra perfis sugeridos com base em afinidades, como o segmento de trabalho ou palavras-chave.

Twitter

O Twitter é outra rede social que você pode usar para alcançar candidatos passivos. Pois, ele fornece muitas ferramentas para encontrar candidatos potenciais, como:

Listas do Twitter

As listas do Twitter permitem selecionar grupos de usuários com interesses semelhantes. 

Por exemplo, se você quiser apenas ler os tweets dos desenvolvedores de uma empresa de jogos, poderá criar uma lista com os perfis dos desenvolvedores que trabalham nessa empresa.

Desse modo, você pode usar as listas do Twitter para recrutar candidatos passivos reunindo as pessoas que deseja contatar em um só lugar. 

Em seguida, sempre que encontrar um candidato em potencial para uma vaga, você poderá enviar uma mensagem para ele e adicioná-lo à lista. Além disso, tornar sua lista do Twitter pública também despertará o interesse dos candidatos em sua empresa.

À medida que mais pessoas forem adicionadas à lista, sua empresa terá uma presença maior no Twitter. Essa prática simples pode aumentar suas chances de obter respostas das pessoas da lista, se você decidir entrar em contato por meio de mensagens privadas.

Busca Avançada

Assim como o LinkedIn, o Twitter oferece uma função de busca avançada para localizar candidatos usando critérios como palavras-chave, hashtags, idiomas e localização. 

Além disso, as pessoas também podem usar a ferramenta para marcar e mencionar usuários que possam estar interessados ​​em sua oportunidade de trabalho.

Hashtags

As famosas hashtags também podem ajudá-lo a localizar candidatos ao usar palavras-chaves específicas para cada habilidade, dessa forma, você poderá encontrar talentos que possam estar interessados ​​em seu cargo

Uma dica é usar geradores e ferramentas de hashtags online para ajudá-lo a gerar, visualizar e usar as hashtags de forma eficaz.

Referências dos colaboradores

Além das redes sociais, você pode contar com as referências dos colaboradores atuais para criar uma lista de candidatos passivos. 

Esse método pode ter uma taxa de sucesso maior do que a rede social, pois os colaboradores já conhecem a cultura da empresa, então, só indicariam pessoas com fit cultural adequado. 

Para incentivar os colaboradores a fazer referências, você pode enviar um e-mail dedicado. Além disso, considere dar-lhes prêmios por fazer referências, como horários flexíveis, vouchers e bônus para aumentar o engajamento.

Encontros e eventos de tecnologia

Embora nos últimos anos muitos aspectos da contratação tenham se tornado online, ainda é possível encontrar candidatos passivos pessoalmente

Ao participar de encontros e eventos de tecnologia, você poderá conversar pessoalmente com as pessoas e ter uma ideia mais profunda se elas são adequadas para a função e empresa.

Uma dica é usar sites como EventbriteMeetup.com para ajudá-lo a encontrar eventos no segmento. Além disso, você também pode criar seu próprio evento com profissionais de tecnologia, como os desenvolvedores, e usar esses sites para promovê-lo.

Veja como atrair candidatos passivos

Para aproveitar ao máximo ambos os métodos de recrutamento, é preciso investir em um processo ágil e eficaz. Veja algumas dicas de como você pode fazer isso:

Crie um perfil de recrutamento atraente

Criar um perfil de recrutamento atraente pode ajudá-lo a causar uma boa impressão em candidatos passivos. Lembre-se, os candidatos passivos não estão procurando oportunidades ativamente, então, você precisa criar uma forma natural de atraí-los.

Considere incluir os seguintes dados para apresentar aos candidatos uma imagem clara do profissional que você está procurando:

Criar uma descrição completa do trabalho

  1. Responsabilidades;
  2. Habilidades e experiências necessárias
  3. Detalhes sobre o pacote de compensação;
  4. Benefícios oferecidos;
  5. Cronograma de trabalho.

Criar uma descrição atraente da empresa

Uma boa primeira impressão sobre a empresa pode ajudá-lo a atrair mais candidatos interessados. Isso é muito importante quando se trata de candidatos passivos, pois eles já possuem posições estáveis ​​em outras empresas.

Em geral, os candidatos estão mais interessados ​​na função, responsabilidades, salário e benefícios. Por isso, considere preparar-se para responder às perguntas sobre esses aspectos e abrir a discussão para dúvidas sobre a vaga ou objetivos da empresa. 

Amplie sua rede de contatos

Fazer networking também é uma ótima forma de alcançar candidatos passivos. Afinal, não são todos os candidatos que estão abertos a oportunidades, mas isso não impede de você fazer contato e iniciar um relacionamento com eles. 

Neste caso, peça para seguir o perfil do candidato e faça uma conexão. Em seguida, você poderá se comunicar com a pessoa e compartilhar conteúdos sobre metas de negócios, carreira, valores da empresa e muito mais.

Alguns candidatos podem mudar de opinião se perceberem maior compatibilidade com sua empresa. Além disso, eles podem recomendar alguém para um cargo ou enviar outros candidatos em potencial ao seu perfil.

Seja generoso e flexível

Antes de tudo, ao interagir com candidatos passivos, é essencial ser generoso e flexível. Pois, como os candidatos passivos não estão procurando ativamente oportunidades, você precisa estar disposto a acomodar sua agenda e horários. 

Com certeza, sua abordagem fará com que os candidatos se sintam valorizados quando você ressaltar suas habilidades e experiências.

Em vez de tratar seus candidatos passivos como ativos, dê mais atenção a eles. Não espere que os passivos ajam como candidatos a emprego ativos e enviem seus currículos, portfólios e outros detalhes. 

Em vez disso, seja sutil e peça um bate-papo ou uma reunião. Concentre-se na comunicação e evite processos de recrutamento padrão. Neste caso, uma abordagem amigável fará com que os candidatos passivos se sintam mais confortáveis ​​e abertos às suas propostas.

Candidatos passivos e ativos devem estar em foco

Em resumo, os candidatos passivos e ativos devem estar em foco igualmente. Juntos, eles formam um vasto conjunto de profissionais para atrair os melhores talentos.

Embora atrair e engajar talentos passivos possa ser mais difícil no início, com o tempo e a prática fica mais fácil à medida que você aprende mais sobre eles. 

Com nossas dicas, você terá mais chances de atrair os melhores talentos, seja usando redes sociais, networking, encontros do setor ou outros canais.

Revelo: sua plataforma de recrutamento tech

Contratar desenvolvedores

No marketplace Revelo, você contrata desenvolvedores qualificados com as habilidades e experiências desejadas.

Além disso, com a opção Revelo Remoto, sua empresa pode realizar o processo seletivo de forma totalmente digital, desde a entrevista até a assinatura do contrato.

Faça seu cadastro e veja uma demonstração da plataforma. Experimente!

Related Posts