Recrutamento de profissionais de tecnologia: confira 4 desafios e como superá-los

0
Share

Confira 4 principais desafios do recrutamento de profissionais de tecnologia e saiba como superá-los com a ajuda da Revelo. Saiba mais!

Cada vez mais empresas precisam contratar profissionais de tecnologia para promover a transformação digital e o crescimento no mercado.

Em 2020, 87,5% das empresas instaladas no Brasil realizaram alguma iniciativa voltada à transformação digital, segundo dados do DT Index Índice de Transformação Digital da Dell Technologies 2020. Portanto, o índice ficou acima da média mundial, de 80%.

Além disso, segundo pesquisa da Revelo realizada com 27 mil profissionais da área de TI, o setor de tecnologia já contratou mais de 96% do total de candidatos de 2019, apenas no primeiro semestre deste ano.

Nesse cenário, contratar profissionais qualificados na área de tecnologia tornou-se um trabalho desafiador para os recrutadores e gestores de TI.

Para te ajudar nessa missão, a Revelo selecionou 4 principais desafios para contratar profissionais de tecnologia, além de dicas de como superá-los.

Confira a seguir o conteúdo que preparamos para você! 

Desafio 1: Encontrar candidatos qualificados 

A demanda na área de TI está aumentando mais rapidamente do que o número de profissionais que entram no mercado. De acordo com dados da Brasscom, até 2024 o Brasil acumulará um déficit de 260 mil vagas sem profissionais para preenchê-las.

Essa dinâmica ocorre por que não há candidatos qualificados suficientes para acompanhar a crescente demanda do mercado. Em alguns casos devido à falta de experiência profissional, em outros, da falta de habilidades comportamentais.

Em meio a esse cenário, as empresas estão competindo para contratar profissionais qualificados na área de tecnologia, como os desenvolvedores. Prova disso, é que essa foi a profissão mais buscada na plataforma da Revelo em 2020.

Dicas para superar esse desafio

1. Não priorize os requisitos de graduação acadêmica

A graduação acadêmica não é a única forma de obter qualificação profissional na área de TI. Por isso, se não exigir os requisitos de graduação em TI poderá abrir espaço para um grande número de candidatos e, muitos deles podem ser qualificados para a vaga.

Hoje em dia, muitas empresas estão investindo na contratação de profissionais com cursos técnicos ou profissionalizantes, para em seguida, oferecer treinamentos internos sobre as tecnologias usadas na empresa.

Já para cargos de níveis mais altos na área de tecnologia, é coerente que seja exigido diploma de graduação ou também pós graduação, bem como, mais experiência profissional.

2. Invista na busca por candidatos

Invista em estratégias avançadas de recrutamento de profissionais de tecnologia para buscar candidatos qualificados nos lugares certos. 

Para isso, utilize plataformas de recrutamento inteligente para localizar e atrair os talentos certos para sua empresa utilizando um diferencial: a tecnologia.

3. Busque candidatos passivos

De acordo com o LinkedIn, 70% da força de trabalho mundial é composta de talentos passivos, profissionais que não estão procurando ativamente emprego. Entretanto, muitos desses talentos estariam dispostos a considerar a mudança de trabalho.

Nestes casos, existem vantagens que podem ser adicionadas a uma oferta de emprego para torná-la mais atrativa para um profissional empregado. Por exemplo, home office, treinamentos avançados, crescimento profissional ou carreira internacional.

4. Invista no employer branding

Segundo pesquisa do LinkedIn sobre o comportamento de quem está em busca de trabalho, foi constatado que cerca de 75% das pessoas pesquisam detalhes sobre as empresas antes de se candidatar para uma vaga.

Por isso, é fundamental manter descrições de cargos atualizadas no site da sua empresa e nas redes sociais, anunciar eventos, promoções de carreira, além de demonstrar como é a rotina de trabalho na empresa.

Desafio 2: Destacar-se das empresas do segmento

Atualmente, há mais empregos na área de tecnologia disponíveis do que profissionais. Nesse cenário, os candidatos não precisam aceitar o primeiro emprego que surgir, podem escolher a empresa que oferecer o emprego mais atraente.

Segundo dados da Revelo que reuniu 6 mil ofertas de emprego feitas na plataforma, foi constatado que 83% das propostas aceitas não foram aquelas de maior salário. Esses dados indicam que a remuneração não é necessariamente o fator mais importante.

Nesse sentido, a cultura da sua empresa é primordial para atrair profissionais qualificados, por isso, ao manter uma marca forte e positiva, será possível atrair os candidatos ideais.

Dicas para superar o desafio

1. Manter uma marca positiva da empresa

Atualmente, a marca de uma empresa é mais importante do que nunca, por isso, construir uma boa reputação como empregador é fundamental para se posicionar entre as melhores empresas para se trabalhar.

Para manter uma marca positiva, use as redes sociais para demonstrar transparência e destacar a cultura da empresa. Compartilhe fotos, vídeos e histórias dos colaboradores trabalhando e participando de eventos, anuncie treinamento e promoções internas.

Outra forma de despertar o interesse dos candidatos é manter o blog da empresa atualizado com conteúdos relevantes do setor. Para ilustrar, uma empresa que investe muito em seu canal Institucional é a Microsoft, com o blog People of Microsoft.

2. Procure referências dos colaboradores

Reunir a opinião dos colaboradores sobre a empresa é uma ótima maneira de atrair candidatos. Afinal, nada melhor para a empresa do que os próprios colaboradores recomendarem como local de trabalho. 

Ao mesmo tempo, você valoriza a opinião dos colaboradores e cria uma comunidade mais engajada e motivada no ambiente de trabalho.

3. Ofereça opções de trabalho flexíveis

Hoje em dia, a opção de trabalhar em casa é um grande atrativo para muitos profissionais de tecnologia. Em muitos casos, quando se trata de escolher entre duas empresas, esse é um diferencial decisivo. 

No entanto, se sua empresa não pode oferecer opções de trabalho em casa, pelo menos ofereça a opção de alguma flexibilidade no horário de trabalho.

4. Ofereça um salário competitivo

O Relatório da Revelo constatou que os salários da área de tecnologia subiram até 30% em 2020, no caso dos desenvolvedores, por exemplo, a alta foi de 16%. Em 2021, a média salarial seguirá aumentando para os profissionais de tecnologia.

Nesse cenário, os profissionais de tecnologia, como os desenvolvedores, sabem que estão em alta, portanto, têm a vantagem nas negociações salariais, bem como, na escolha da empresa. Assim sendo, o pacote de salário e benefícios é um diferencial.

Esse pacote pode incluir plano de carreira, treinamentos internos, trabalhar com tecnologias avançadas e, ainda, programas de qualificação profissional. Além disso, benefícios como horário flexível, home office ou bônus anual de desempenho são muito atrativos.

Portanto, se você não pode competir com os melhores salários do mercado, fatores como a cultura da empresa, a flexibilidade de local e projetos desafiadores podem formar um conjunto interessante para os candidatos.

Desafio 3: Alinhamento dos requisitos de trabalho

Os gerentes de contratação e os recrutadores nem sempre estão alinhados sobre os requisitos de trabalho de uma vaga na área de tecnologia. No entanto, essa falta de alinhamento pode tornar o processo seletivo menos ágil e assertivo.

Neste caso, o ideal é que ambas as partes trabalhem juntas, para que o recrutador tenha todas as informações necessárias para ajudá-lo a encontrar um profissional com as habilidades certas e no menor período de tempo possível.

Dicas para superar esse desafio

1. Certifique-se sobre o conjunto de habilidades necessárias

Para uma contratação de sucesso, o segredo é trabalhar em conjunto com o gerente de tecnologia para aproveitar seus conhecimentos técnicos e criar uma descrição do cargo conforme as demandas da empresa.

Porém, em muitos casos, é esperado que os recrutadores criem uma descrição do cargo sem a contribuição do gerente de tecnologia. 

Entretanto, é importante que o gerente de tecnologia informe ao recrutador quais são as habilidades técnicas necessárias para a nova contratação. Dessa forma, o recrutador estará mais bem preparado para encontrar o candidato ideal.

2. Selecione os requisitos indispensáveis

Por exemplo, descubra se é mais importante contratar candidatos pela experiência profissional, ou pela capacidade de se encaixar na equipe e aprender as tecnologias utilizadas na empresa através de treinamentos.

Depois de determinar as habilidades e o nível de experiência necessários, tente chegar a um acordo sobre um salário adequado para o candidato que atenda a essas expectativas.

3. Revise o processo de entrevista com o gerente de tecnologia

As entrevistas tradicionais podem não determinar se os candidatos têm as qualificações que você está procurando. Por isso, converse com o gerente de tecnologia sobre as maneiras mais eficazes de conduzir o processo de entrevista.

Em geral, as empresas e startups utilizam duas formas para avaliar as habilidades técnicas dos candidatos de tecnologia: a Entrevista Técnica ou o Teste Técnico

Ambas as metodologias se adequam às diferentes necessidades das empresas e para cada uma delas são recomendadas boas práticas para uma avaliação justa dos candidatos. 

Por fim, certifique-se de que todos os envolvidos no processo seletivo conheçam as perguntas e testes que serão realizados e as habilidades mais importantes que estão procurando no candidato. 

4. Mantenha contato com o gerente de tecnologia

Fique em contato com o gerente de tecnologia durante todo o processo para garantir que seus objetivos permaneçam alinhados, e que você esteja no caminho certo para atender às necessidades da contratação. 

Afinal, os gerentes de tecnologia sabem exatamente o que buscam em um profissional e o recrutador conhece os melhores caminhos para conseguir encontrá-lo.

Portanto, se você souber exatamente o que estão procurando, poderá encontrar o candidato ideal com agilidade.

Desafio 4: Recrutamento de profissionais de tecnologia demorado

O processo de recrutamento demorado pode fazer os candidatos de tecnologia desistirem da vaga, pois demandam muito tempo entre as etapas de testes e entrevistas.

Além disso, se o recrutamento de profissionais de tecnologia demorar muito para ser concluído, o candidato pode ser abordado por outras empresas com processos seletivos mais ágeis. 

Em vez disso, o ideal é que os candidatos sejam capazes de concluir todas as etapas sem demandar muito tempo e esforço. Dessa forma, será possível garantir que os melhores talentos não sejam contratados por empresas concorrentes.

Dicas para superar esse desafio

1. Agilize o processo seletivo

Para agilizar a seleção, reduza o tempo desde a divulgação das vagas até a contratação, e mantenha o candidato atualizado durante todo o processo. Não deixe sua empresa perder tempo demais e, consequentemente, perder os melhores candidatos. 

Desse modo, busque todos os caminhos disponíveis para encontrar os melhores candidatos com agilidade em plataformas de recrutamento online, LinkedIn, mídia social.

2. Busca assertiva de candidatos

As plataformas de recrutamento oferecem ferramentas para criar o anúncio da vaga com todas as habilidades necessárias para a função. Dessa forma, será possível selecionar com mais agilidade os candidatos de acordo com os requisitos da vaga.

Sobretudo, você não irá desperdiçar tempo analisando candidatos fora do perfil desejado.

3. Ofereça uma experiência agradável ao candidato

Hoje em dia, muitas empresas estão preferindo realizar um processo mais curto de recrutamento de profissionais de tecnologia para determinados cargos, e essa abordagem traz vantagens tanto para o empregador, quanto para o candidato.

Em um processo seletivo planejado em etapas com tempos definidos, os candidatos podem realizar entrevistas com colaboradores, gestores, com equipe de RH, fazer testes, obter feedback e, receber uma oferta de trabalho em apenas um dia.

4. Faça uma análise de desempenho

Algumas plataformas de recrutamento de profissionais de tecnologia mais completas disponibilizam dados e indicadores de desempenho sobre o processo seletivo.

Desta forma, será possível analisar quantos candidatos visualizaram o anúncio, quantos se candidataram à vaga, e qual o percentual de sucesso nas contratações. Sem dúvida, esses dados podem ajudar o recrutador na tomada de decisões.

Revelo: sua plataforma de recrutamento tech

recrutamento de profissionais de tecnologia

Na Revelo você contrata desenvolvedores qualificados de acordo com as habilidades desejadas.

Além disso, com o Revelo Remoto, o processo seletivo de profissionais de tecnologia pode ser feito 100% online, desde a entrevista até a assinatura do contrato.

Faça seu cadastro e veja uma demonstração da nossa plataforma. 

Confira os benefícios que só a Revelo oferece

  • Descreva o perfil, escolha os candidatos e faça as entrevistas na plataforma;
  • Receba uma seleção apenas de perfis compatíveis com a vaga;
  • Selecione os candidatos por habilidades ou experiências profissionais;
  • Utilize uma plataforma com engajamento efetivo de 9 entre 10 candidatos;
  • Receba suporte especializado para buscar os melhores talentos para sua empresa.

Related Posts